top

Mobile Marketing Blog

Enriqueça o seu conhecimento sobre mobile marketing com os nossos artigos, dicas e tendências.


Definindo o Tom de Voz da sua Marca

Monday, November 10, 2014



Desenvolver uma marca não é uma tarefa fácil. Não é à toa que grandes empresas investem bilhões de dólares todos os anos em branding. A boa notícia é que a sua empresa não precisa gastar uma fortuna para criar um tom de voz que agrade seu público-alvo.

De forma a se diferenciar da concorrência é importante que sua empresa crie uma personalidade e estilo próprio na forma de se comunicar. A maneira mais fácil de começar esta jornada em comunicação é atribuir valores humanos à sua marca.

O tom de voz é simplesmente um documento que serve como guia para definir a "personalidade" da marca da sua empresa. Este guia deve ser guardado a sete chaves e deve ser sempre levado em consideração. O mesmo garante uma padronização linguística em suas peças promocionais e ajuda o seu público-alvo a rapidamente identificar os principais valores da sua marca e com o tempo e exposição, reconhecê-la.

A melhor forma de criar este guia é imaginando a sua empresa como uma pessoa. Em seguida, você irá atribuir valores à sua “empresa-pessoa”. Vamos olhar a tabela abaixo para exemplificar este conceito.

Segmento da Empresa Valor 1 Valor 2 Valor 3
Mídia Digital Criativa Comprometida Objetiva
Advocacia Leal Ética Justa
Alimentícia Amigável Ecológica Familiar

Repare que, uma vez que atribuímos os valores nas colunas, nosso poder de percepção com relação a stas empresas fictícias muda completamente. Podemos começar a imaginar como elas devem se comportar, como seus anúncios devem ser explorados em termos de design e até mesmo como seus e-mails devem ser escritos.

Atribuir valores humanos à sua empresa faz com que seu público-alvo passe a entender a essência do seu negócio, independente do formato ou canal de comunicação em que sua mensagem esteja sendo transmitida.

A conclusão é simples… Sua empresa não precisa investir uma fortuna para ter personalidade. Utilize sua imaginação, coloque-se no lugar do seu cliente ideal e pergunte a si mesmo: “O que eu gostaria de escutar desta empresa e como ela deve soar?”

Compartilhe este artigo!

Comentários